Curiosidades
7 Raças de Cães mais temíveis.

7 Raças de Cães mais temíveis.

Preparamos essa matéria trazendo as 7 Raças de cães mais temíveis.

Consideramos as características de força, lealdade  e obstinação como critérios para definir o quão temível a raça pode ser.

7 – MOLOSSO PRESA MAYO

Suas características de força, lealdade e obstinação deveriam o colocar em primeiro lugar em nossa lista, no entanto, por se tratar apenas de um projeto decidimos considerar que ainda é apenas uma perspectiva.

Existem relatos de que é possível que se tenham reproduzido poucos exemplares desse protótipo, mas com resultado insatisfatório quanto ao temperamento.

O resultado pretendido é de um cão extremamente ágil e poderoso, com uma mordida firme e com músculos bem definidos.

6 – CÃO PANTERA

Resultado da mistura do Pastor Alemão, Dobermann, Labrador preto e do Starffordshire Terrier.

A raça se originou em 1970 com a intenção de criar um cão de guarda perfeito.

O resultado é um cão inteligente, obstinado e leal. Existem relatos de cães dessa raça que lutaram até a morte para defender a sua família contra outras pessoas e também predadores. Por isso recebe o título de um dos melhores cães de guarda que existem.

As raças que integram a origem dos cães panteram são responsáveis por resultar em um cão extremamente forte, por isso, combinado com a sua obstinação, é possível concluir que cães dessa raça não devem ser incentivados ao ataque.

O Cão Pantera não é uma raça reconhecida pela IBRC, sendo por tanto, a única entidade no Brasil que se tem notícia a reconhecer o Cão Pantera como raça oficial.

5 – STARFFORDSHIRE BULL TERRIER

A raça se originou no Reino Unido, é uma mistura do Bull Dog Inglês com o Bull Terrier.

É uma raça criada originalmente para servir para o combate contra touros e ursos. E foi utilizado para essa finalidade com maestria, sem decepções, pois o cão possui agilidade, força e inteligência para ral.

Carcterizado pela imensa explosão de força, obstinação na caçada e força na mordida. Cabe destacar que uma vez que um Starffordshire Bull Terrier alcance sua presa ele só soltalrá em duas ocasiões: quando ele quiser, ou se tiver passado por um treinamento prévio.

Atualmente é um fiel cão de guarda que se destaca-se pela força e inteligência. infelizmente possui um histórico de não interagir muito bem com outros cães, mas desenvolve um laço de afeto com toda a família, inclusive crianças, as quais dedica uma atenção especial, e guarda  constante.

4 – BULL TERRIER

Apesar do seu pequeno tamanho, é uma das raças mais fortes que há.

Não se sabe a origem da raça, mas sabe-se que foi criada originalmente para o combate e para a guarda.

Sua utilização para combate, criminalizado em muitos países inclusiive aqui no Brasil, deu a essa raça um status de cão incontrolável, gerando imenso preconceito.

Possui força, destreza e agilizade são inigualáveis, podendo escalar árvores, paredões e ultrapassar obstáculos com facilidade.

Também conta com uma mordedura das mais temíveis do universo canino, sendo praticamente impossível abrir a sua boca depois que fixa a mordida.

Existem relatos de precisar de intervenção médica (veterinário) para sedar o cão e provocar relaxamento muscular para que ele puudesse destravar a mandibula.

Acredita-se que uma vez que esse cão pegue a presa com firmesa, não consegue mais abrir a boca, mesmo que o cão queira abrir. Se esta crença não corrresponder a realidade, estariamos de frente a uma raça de cães tão obstinada que não destravaria a mandíbula nem por ordem, pancadas, água fria…

Atualmente é utilizado amplamente como pet (estimação), pois possui uma relação afetiva muito grande com os membros da família, inclusive crianças. Realmente não é interessante provocar cães dessa raça.

Chagamos então ao TOP 3 da nossa matéria que destaca as 7 Raças de Cães mais temíveis

3 – FILA BRASILEIRO

Resultado da cruza de Cães Boiadeiros e cães de combate, como os Mastiff e os Bulls, ganhou a fama de ser um dos cães mais temíveis da atualidade.

Seu imenso tamanho deixa enganar o quão veloz esse cão pode ser, possuindo uma explosão de força para ganho de velocidade, mas o seu imenso tamanho deixa bem claro a força e o poder dos Fila Brasileiro.

Extremamente atentos, são excelentes cães de guarda, com uma das lealdades mais impressionantes do universo canino. Também desenvolvem uma relação de afeto com a família, introduzindo essa realação com sua percepção de território, ou seja, visitas não são bem vindas, e os Fila Brasileiros costumeiramente deixam isso bem claro.

2 – WOLFDOG

Resultado do cruzamento do Lobo Cinzento com qualquer outra raça. Por isto é difícil generalizar o temperamento de cães dessa raça.

Muito embora o seu temperamento seja imprevisível, sua criação é ampla, existo apenas nos EUA mais de 300 mil registros de cães dessa raça.

Uma das misturas mais comuns para gerar o Wolfdog é a do Lobo cinzento com o Huski Siberiano, admitindo traçar um perfil de cão Altos, esguis, fortes, ágeis e extremamente letais.

Seu comportamento em bando é realmente impressionante, fazendo muitos crerem por anos que havia alguma forma de diálogo visual entre os membros do bando durante a realização de alguma atividade.

A sua mordedura é compatível com cães realmente grandes, que são, mas a sua capacidade de imobilizar a presa é única.

Como possuem comportamento familiar e em bando são extremamente leais, de uma maneira impressionante. Não possuem bons relacionamentos com pessoas e cães que visitam sua casa, pois são muito territorialistas.

1 – ROTTWEILER

Sua fama de mau cão deve ser desfeita. São cães muito poderosos e obstinados, mas são amáveis e gentis.

Contudo, aquele que não possuir boa intenção deve temer a fúria de um Rottweiler. Isto porque possuem a maior mordida do universo canino podendo alcança incríveis 1000Kg cm³ (uma tonelada por centímetro cúbico).

O impacto da mordida que se inicia com 300Kg cm³ somado a pressão da mordida que alcança uma incrível marca, é responsável por inúmeros relatos de amputações em combates e caçadas.

Os cães desta raça, são bastante territorialistas, e protetores, uma chegada de algum animal ou pessoa diferente, pode despertar um comportamento mais agressivo.

Outra característica é que os cães dessa raça não dão um alerta, a menos que queiram avisar (não vem que eu estou de olho). O problema é que eles não avisam, quando a presa se da conta, já foi atacada e nem sabe da onde veio o feroz cão negro obstinado a defender seu território e sua família.

Contudo, não se deve incentivar o medo ou traçar um perfil de cão feroz e incontrolável. Os cães da raça Rotweiller são especialmente carinhosos com crianças  e possuem uma enorme relação de vinvulo afetivo com toda a família.

Sua conjuntura corporal fizeram um cão extremamaente forte e impressionantemente ágil. Não adianta o invesor correr, ele vai alcançar, mesmo que tenha que escalar um muro alto.

Somado a mais impressionante mordida desta lista, força física e agilidade, o cão é tido como um dos mais inteligente do mundo, ocupando a 9ª posição na lista dos Cães Mais Inteligentes do Mundo.

Por tanto, o Rottweiler fica na primeira posição da nossa lista dos 7 Raças de Cães mais temíveis por possuir uma perfeita combinação de Força, Poder, Inteligência, e Mordedura.


EXPLICAÇÕES DA IBRC SOBRE ESSA MATÉRIA

Esta é uma matéria feita pela IBRC que visa destacar o potencial ofensivo das raças com uma analise particular.

Nós da IBRC não incentivamos o comportamento agressivo de nenhum cão, sendo inclusive uma característica de penalização nos eventos produzidos e os apoiados pela IBRC.

Por maior que seja o potencial de força, velocidade, destreza e mordedura de um cão, ou de uma raça, a IBRC recrimina o incentivo a ferocidade, deixando bem claro que nós da IBRC não temos nenhum intuito de gerar qualquer forma de preconceito quanto a cães ou raças.

Sendo assim encerramos a metéria com a seguinte frase:

Um cão, independentemente da raça, é o mais puro reflexo do seu dono, com quem cria um laço de fidelidade e admiração. Por tanto um cão agressivo não tem nada a mais do que um dono imbecil” – Tupã Lisboa

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *